quinta-feira, 31 de maio de 2012

Ceará poderá voltar aos velhos tempos e ser o maior exportador de castanha de caju do país


O ceará poderá resgatar a sua condição de maior esportador de castanha de caju do Brasil, depois que, por conta de políticas falhas do setor, terminou perdendo essa posição para produtores africanos e asiáticos. A primeira medida será velhos cajueiros por cajueiros-anões, em 5.000 hectares. Com isso serão beneficiados 1.061 produtores em 61 municípios.

Vale lembrar o nome do maior produtor de caju do Mundo, que é o cearense Jaime Aquino, fornecedor de derivados da castanha de caju até para a NASA. Ele tentou mostrar que se pode preparar dezenas de aliamentos com o pedúnculo do caju, mas, a falta de visão, ninguém comprou a sua ideia.

Opinião

Newton Pedrosa*

Amigo velho, o Lula se disse ontem indignado com a matéria publicada pela Veja dizendo que ele pressionara o Ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, para adiar o julgamento do mensalão, o maior escândalo do seu governo e da história republicana. Aliás, ele sempre se indignou com a Imprensa. Mas, mestre, quem está indignada mesmo com isso é a Nação, o homem de bem, aquele que tem discernimento.

Como se admitir, companheiro, que um ex-presidente da República saia de sua aposentadoria para interferir na vontade da mais alta corte de Justiça do país? Ele disse que não houve isso. Ora, mestre, é difícil acreditar-se que um ministro do STF saísse de seu silêncio quase obrigatório para fazer tamanha revelação. Tanto isso é verdade, que a atitude inoportuna e descabida de Lula, e sobre tudo, anti-ética, ecoou intensamente e de pronto recebeu o protesto de órgãos como a OAB, Conselho Nacional de Justiça e da Oposição brasileira.

Ninguém com um mínimo de civismo e democracia poderia aceitar passivamente posições como esta. Todo mundo sabe que o Lula sempre foi antiético e sem postura política. Pratica na vida pública a linguagem desabrida dos tempos de liderança sindical. Bom-dia, governador!
*Newton Pedrosa é jornalista e advogado

Executiva Nacional do PT reúne-se na próxima terça para definir situação do Recife

As mãos de Lula e Eduardo - O presidente nacional do PSB e Governador de Pernambuco, Eduardo Campos, têm mantido diálogo constante com o ex-presidente Lula, negociando alianças em todo o país. O Recife, uma das principais cidades onde o PT permanece no poder, é um ponto-chave nos diálogos. A briga interna do PT têm colocado em xeque a estabilidade da Frente Popular em Pernambuco.

Eduardo Campos têm dialogado com Lula para que este tome alguma medida. O senador Humberto, petista pernambucano com maior expressividade nacional, parece ser o preferido de Lula. Preferência compartilhada por Eduardo, já que o suplente de Humberto no senado é Joaquim Francisco (PSB).Eduardo Campos pediu que Lula intervisse no Recife
Na guerra do Recife, Lula liberou Eduardo de desgaste
(Blog de Jamildo)

Senador Armando Monteiro recebe jovens empresários do Ceará


Do blog do Mágno


De amanhã (1º) até domingo (3), um grupo de 30 jovens empresários cearenses estarão em Pernambuco para conhecer o processo de reindustrialização da economia local. Um dos primeiros compromissos do empresariado, amanhã, é uma palestra do senador Armando Monteiro (PTB), que foi presidente da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe) e da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O evento terá início às 15h, na sede da Fiepe.
A palestra de Armando Monteiro será acompanhada também por outros 30 jovens empresários pernambucanos, anfitriões dos cearenses, e pelo industrial Oscar Rache, diretor da Fiepe, que falará à delegação sobre sua trajetória empresarial e a importância da renovação de lideranças por meio dos jovens empreendedores. Armando foi chamado pelos jovens empresários para falar sobre sua experiência no setor privado, particularmente como líder sindical e do Sistema Indústria, e sua trajetória no setor público, como deputado federal e senador.
Além disso, o grupo vai se reunir com lideranças políticas e empresariais do Estado, terá a oportunidade de conhecer a Fiepe e visitar o Complexo de Suape. A experiência que mais interessa ao grupo é a implantação de uma siderúrgica e o próprio crescimento do Porto de Suape, que tem semelhança com os investimentos feitos no Porto de Pecém, no litoral cearense.

Demóstenes Torres se cala em depoimento à CPMI do Cachoeira

Arquivo/ Leonardo Prado
CPI/ CPMI - CPMI do cachoeira - Demóstenes Torres e seu advogado em depoimento à CPMI
Demóstenes seguiu a recomendação de seu advogado de se manter calado.

O senador Demóstenes Torres (sem partido/GO) não prestou depoimento nesta quinta-feira à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga as relações entre o contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, e agentes públicos e privados. Embora tenha comparecido, foi aconselhado por seu advogado a permanecer em silêncio, e usou esse direito previsto na Constituição.
Demóstenes informou que vai encaminhar à comissão a degravação do depoimento que deu ao Conselho de Ética do Senado na terça-feira (29). O senador espera que as explicações que deu no Senado, onde é processado por quebra de decoro, sirvam à CPMI.
O silêncio do senador causou tumulto depois que o deputado Silvio Costa (PTB-PE) chamou-o de hipócrita e demagogo. O presidente da CPMI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), dispensou Demóstenes e foi obrigado a encerrar a reunião após uma discussão entre Costa e o senador Pedro Taques (PDT-MT), porque os ânimos estavam acirrados.
Costa acusava Demóstenes de pertencer à quadrilha de Carlos Cachoeira, e foi interpelado por Taques, que pediu respeito ao depoente, que tinha o direito de permanecer calado. "Seu silêncio é uma confissão de culpa, diz: 'eu sou o braço legislativo da quadrilha do Cachoeira'", afirmou o deputado a Demóstenes.
Taques pediu que Demóstenes fosse dispensado como outros depoentes que se recusaram a falar e não foram pressionados por parlamentares. "Não podemos ofender um estado brasileiro, que o senador representa, mas também não aceito que qualquer ser humano seja desrespeitado, não apenas um senador", disse Taques. (Agência Câmara de Notícias)

CPMI define datas para ouvir governadores

Arquivo/ Leonardo Prado
CPI/ CPMI - CPMI do cachoeira - Demóstenes Torres em depoimento à CPMI
Datas foram acertadas entre a comissão e as lideranças dos partidos dos governadores.

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga as relações entre o contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, e agentes públicos e privados vai ouvir o governador de Goiás, Marconi Perillo, no dia 12 de junho e o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, no dia 13 de junho. As datas foram acertadas entre a comissão e as lideranças dos partidos dos dois, PSDB e PT, respectivamente.
Perillo e Agnelo devem se explicar sobre as citações de seus nomes por integrantes da suposta quadrilha de Cachoeira em conversas telefônicas interceptadas pela Polícia Federal nas operações Vegas e Monte Carlo, que subsidiam a investigação da CPMI. Perillo terá que explicar, entre outras coisas, a venda de sua casa por R$ 1,4 milhão a Cachoeira.
Nas próximas sessões, ainda haverá um embate sobre a quebra de sigilo das contas e telefonemas dos governadores. A quebra de sigilo de Perillo chegou a entrar em pauta, mas a CPMI adiou essa análise, com o argumento de que seria melhor prosseguir nas investigações.
Os deputados do PSDB protestaram pelo fato de não terem sido colocados em votação, também, requerimentos de quebra dos sigilos dos governadores do PT e do PMDB. “Não pode haver dois pesos e duas medidas”, argumentou o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR).
O relator da CPMI, deputado Odair Cunha (PT-MG), afirmou que há indícios para justificar a quebra do sigilo do governador de Goiás. Segundo ele, há 237 referências a Perillo nas gravações telefônicas registradas pela PF na investigação sobre o grupo de Cachoeira.
“São condutas individualizadas, e há, nos autos da Polícia Federal, mais evidências contra o governador Marconi Perillo”, disse Cunha. “Os cheques para pagamento da casa [do governador goiano, assinados por um sobrinho de Cachoeira] foram parar na conta dele. Há um nível de envolvimento diferente com a organização criminosa”, completou.
O presidente da CPMI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), frisou que as datas dos depoimentos ainda podem mudar, mas acredita que os dias 12 e 13 são os melhores e não deixam que o clima de disputa política se acirre ainda mais. (Agência Câmara de Notícias)

Bate boca entre parlamentares baixa o nível na AL

Com "lavagem de roupa suja", Assembleia Legislativa do Ceará tem dia antiproducente

 Lamentavelmente, a manhã de hoje no plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará foi voltada, quase que inteiramente, para uma verdadeira lavagem de "roupa suja" entre o deputado Chico Perboyre (PMDB) e a deputada Eliane Novais (PSB).

 Os dois se revezaram na tribuna da Casa se acusando mutuamente. Uma das palavras mais leves foi um chamando o outro de "ladrão".
Imaginem quando a capanha política com vistas às eleições deste ano estiverem verdadeiramente no ar, hem?

 Parlamento não é para essa baixaria e com certeza,igualmente, a TV e a Rádio Assembleia custeadas com o dinheiro do povo, não devem servir de palanque para transmitir tanta sujeira para todo o Estado. Os dois esqueceram o significado de ética. O povo merece respeito e o parlamento também!!!  

Onde será que anda o presidente Roberto Cláudio?

Com certeza a população cearense espera do presidente da Casa, deputado Roberto Cláudio (PSB), medidas urgentes, urgentíssimas e enérgicas para acabar com esse bate rebate entre os dois parlamentares.


Clube do Bode convida:

Cabritos !
Nesta quinta, 31 de maio, a partir das 18:30 h na Igreja de Fátima - Av. 13 de Maio, viveremos momentos de rara humanidade, recordando a queridíssima figura do SIQUEIRINHA que deixou nosso convívio há 1 ano. É uma maneira de, além de orarmos por seu eterno descanso, conversarmos sobre seu modo de ser, relembrarmos seu jeito jovial, alegre, extrovertido, solidário e amigo. Vamos todos, portanto, assistir a essa missa especial em sufrágio de sua alma.
Os amigos do
                                          

CLUBE DO BODE

IFCE oferta vagas para transferidos e graduados

O campus de Fortaleza do Instituto Federal do Ceará (IFCE) está com inscrições abertas, até o próximo dia 31 de julho, para o preenchimento de vagas ofertadas a estudantes graduados e transferidos que desejam ingressar na instituição, no semestre 2012.2. São ofertadas oportunidades tanto para os cursos superiores como para os técnicos nas áreas da Indústria, Construção Civil, Química, Telemática, Turismo e Licenciaturas em Matemática e Física.

Para concorrer a essas vagas, todos os candidatos devem apresentar na recepção do campus (Avenida Treze de Maio, 2081, Benfica) a seguinte documentação: cópia do histórico escolar, matriz curricular do curso, programa de disciplinas cursadas, declaração de matrícula regular na instituição de origem (transferidos), cópia do diploma de graduação (graduados) e cópia do RG. A inscrição é gratuita.

A análise dos requerimentos será realizada pela Diretoria de Ensino juntamente com a Coordenadoria Técnico-Pedagógica e a coordenadoria do curso. Os resultados serão divulgados no dia 28 de setembro, no portal do IFCE, e os candidatos selecionados deverão efetuar matriculas nos dias 02 (transferidos) e 03 (graduados) de outubro. Para conferir os editais de seleção, número de vagas ofertadas e obter mais informações, basta acessar o portal www.ifce.edu.br

(Rafael Oliveira - assessor imprensa IFC-campus de Fortaleza)

Inscrições abertas para 26º Prêmio Jovem Cientista

Seguem até 31 de agosto as inscrições para a 26ª edição do Prêmio Jovem Cientista, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Este ano, com o tema “Inovações Tecnológicas nos esportes”, o prêmio será concedido às pesquisas voltadas para o setor esportivo.

Os interessados poderão inscrever-se nas categorias Estudante de Ensino Médio, Estudante de Ensino Superior, Graduado e Mérito Institucional. A premiação, que varia de R$ 10 mil a R$ 30 mil, será concedida aos três primeiros colocados das categorias citadas acima. Além do prêmio em dinheiro, os primeiros colocados também farão visita técnica, com todas as despesas pagas, a um dos laboratórios da GE, empresa multinacional e parceira do Jovem Cientista.

A universidade e a escola de Ensino Médio premiadas na categoria Mérito Institucional receberão R$ 35 mil, cada uma. O Prêmio Jovem Cientista conta com a parceria da Fundação Roberto Marinho, GE e Gerdau e busca promover a pesquisa, revelar talentos e investir em estudantes e profissionais que procuram solucionar os problemas brasileiros. O regulamento e o formulário on-line de inscrição estão no site do Prêmio (www.jovemcientista.org.br). Outras informações podem ser obtidas através do e-mail pjc@cnpq.br.

Jovem Cientista - Desde 1981, quando foi instituído o Prêmio Jovem Cientista, todos os temas escolhidos são de interesse direto da população e buscam soluções simples e acessíveis para problemas encontrados em seu cotidiano. Entre os assuntos abordados em anos anteriores estão "saúde da população e controle de endemias", "oceanos: fonte de alimentos", "saúde da população - controle da infecção hospitalar" e "educação para reduzir as desigualdades sociais". Em 2011, com o tema "cidades sustentáveis", o prêmio bateu um novo recorde de inscrições - foram 2.321 trabalhos enviados para análise, um crescimento de 7% em relação ao ano anterior.

Em 2010, o estudante Eduardo Façanha, egresso do curso de Engenharia Elétrica da UFC, conquistou o primeiro lugar do 24º Prêmio Jovem Cientista, na categoria Graduado. Ele desenvolveu o protótipo de um conversor de energia eólica em energia elétrica.

Fonte: Prêmio Jovem Cientista – (fone: 21 3232 8800)

Parlamentar faz Congresso Nacional de Motel?

A caminho do plenário, deputado desavisado deixa objeto de fetiche cair

Qual o homem que já não viu uma calcinha feminina? Bem, é claro que uma calcinha pode ser e é objeto de fetiche de muita gente. Agora, um deputado deixar cair uma do bolso, em pleno Congresso Nacional, realmente, não é lá muito comum. Pois bem, foi o que aconteceu, há cerca de uns 15 dias, na Câmara dos Deputados. O inusitado objeto  (uma calcinha vermelha e branca), foi perdido por um parlamentar.

Segundo reportagem do jornal O Globo, a peça havia caido enquanto o parlamentar corria para votar na Ordem do Dia. Como naquela Casa do povo nada passa despercebido, alguém viu a "marmota" e contou o episódio, mostrando o objeto muito bem identificado a um segurança. Este, de imediato, avisou a um assessor do presidente da Casa, Marco Maia (PT-RS), que de imediato recolheu a tal  calcinha.

A famosa peça passou de mão em mão, sendo examinada minunciosamente por jornalistas e assessores. Em seguida, como acontece com os objetos perdidos, a peça foi encaminhada para o departamento de achados e perdidos da Câmara. Como nem o deputado nem a dona reclamou a propriedade, a peça terminou sendo incinerada. É claro que no Congresso todo mundo sabe quem é o descuidado parlamentar. Agora, a quem pertencia a minúscula calcinha é um caso para Sherlock Holmes decifrar. Ou não?

Lembro que há alguns anos, aqui na Assembleia Legislativa do Ceará, não era raro encontrarmos camisinhas de venus jogadas (depois de usadas, é claro) do gabinete de um certo parlamentar. Do Comitê de Imprensa - que à época era no primeiro andar - se olhava para o térreo e lá estavam, espalhadas pelo chão, as provas de  que lá, no segundo andar, teria havido um belo festival de sexo.

PT de calças curtas

PMDB e PSDB unem forças e surpreendem o PT
"A sessão de ontem da CPI mista do Cachoeira revelou uma alteração importante na correlação de forças que atuam na comissão. Sem apoio do PMDB, os tucanos não teriam conseguido aprovar a convocação do governador do DF, com o objetivo de dividir o desgaste da convocação do goiano Marconi Perillo (PSDB). O acordo de “política pacífica” PSDB-PMDB surpreendeu o PT, que imaginava ter o controle da CPI". (Claudio Humberto)

Dirceu fala ou não fala?

Se o Zé abrir o "bico", os 38 réus do mensalão passam para 39


"No meio da conversa, (na casa de Jobim) o Lula teria dito que José Dirceu está “desesperado” com a possibilidade de ser condenado e até de parar na cadeia. Em pleno desespero, quem garante que o ex-chefe da Casa Civil não venha a aprofundar a afirmação feita às vésperas de sua cassação, sobre nada do que fez ter sido feito sem o conhecimento do então presidente? Aqui mora o perigo, se o Lula estava ciente do que se passava no palácio do Planalto e se o mensalão era mesmo mensalão, nunca uma simples coleta de dinheiro para saldar dívidas com o caixa dois. Se no auge da emoção, às vésperas de ser condenado, Dirceu abrir o jogo e envolver o Lula, os 38 réus passarão a ser 39".( Trecho de comentário de Carlos Chagas sobre o caso mensalão)

Senador cearense em alta

Eunício Oliveira eleito, ontem, membro do Conselho de Ética
                   

O senador Eunício Oliveira (PMDB-CE)  é o mais novo membro titular do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado. Ele foi eleito ontem para a vaga do senador Lobão Filho (PMDB-MA), que havia se desligado no dia anterior. O Senador cearense já fazia parte do Conselho como suplente e agora foi indicado pelo seu partido, o PMDB, para membro efetivo.

PT-PSB: "Aliança ainda não acabou", diz Balhmann

Parlamentares mostram-se confiantes na manutenção da aliança entre PT e PSB, apesar da intensa disputa nos bastidores

"Enquanto os fatos apontam um racha entre PT e PSB para disputa pela Prefeitura de Fortaleza deste ano, nos bastidores, aliados tentam aparar as arestas e manter o discurso uníssono de aliança. Ao O Estado, o deputado Antônio Balhmann (PSB) descartou que a coligação PT e PSB tenha finalizado como assegurou o também deputado Eudes Xavier (PT), na última segunda-feira. Segundo ele, pelo menos até agora, o governador Cid Gomes ainda não declarou nada neste sentido. Apenas, o PSB aponta que Fortaleza precisa de um novo projeto administrativo, que corresponda com as expectativas de crescimento da quarta maior Capital brasileira. Isso porque, de acordo com ele, algumas áreas não estão funcionando adequadamente, dentre elas: Saúde e Educação.
Ainda segundo Balhmann, embora o PT tenha grandes nomes, o que emperra a manutenção da aliança é o nome do secretário municipal de Educação, Elmano Freitas, que não agrada à maioria dos socialistas. Informação, porém, confirmada pelo deputado Sérgio Aguiar (PSB). Aguiar assegura que, apesar das farpas de ambos os lados, a aliança ainda não acabou. Mas, se acontecer, a culpa não é do governador Cid Gomes, como declarou Eudes Xavier, e sim da insistência do PT em querer como candidato apenas Elmano de Freitas.
“Nós, não queremos indicar o nome do PT, mas o postulante que apresente um projeto diferente e não o que está aí”, disse, alertando que, embora ainda se costure manter a atual aliança, a situação ficou difícil de normalizar e a culpa é puramente do PT que quer lançar um nome sem dialogar com os demais partidos." (O Estado)

Aí eu digo: O pior cego é aquele que não quer ver!!!

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Guerra entre municípios cearenses

Uma ação que está sendo movida pelo município de Tianguá contra os municípios vizinhos de Granja e Ubajara, poderá gerar o maior confronto entre comunas do Ceará nas últimas décadas. Segundo desejam as autoridades de Tianguá, se a Justiça lhes der ganho de causa, Ubajara perderia “apenas” o açude Jaburu, 1/5 do seu território e 2.000 habitantes.

IJF: Campanha educativa alerta para os males do tabagismo

Amanhã, quinta-feira (31), Dia Mundial de Combate ao Tabagismo, o Instituto José Frota (IJF) promove a I Campanha Contra o Tabagismo do IJF. O objetivo é alertar as pessoas quanto às consequências do hábito de fumar, assim como desenvolver uma ação preventiva para eliminar o uso do cigarro no Hospital. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), aproximadamente 1 bilhão e 200 milhões de pessoas são fumantes. O tabagismo é considerado a principal causa de morte evitável no mundo e, o tabagismo passivo, a terceira. Estima-se que, no Brasil, 200 mil pessoas morrem anualmente por causa de doenças relacionadas ao fumo. Sob o tema “Livres do Cigarro!”, o IJF promove um dia de atividades a fim de sensibilizar o público interno e chamar atenção para os males causados pelo fumo. Confira a programação no portal www.fortaleza.ce.gov.br.
(Assessoria de Comunicação do IJF)

Julgamento dos envolvidos no mensalão agora sai

Aleluia!!! Finalmente, já se pode ter a certeza de que a malandragem de Lula e do PT não irá empurrar “com a barriga” para o próximo ano o processo do STF contra os “mensaleiros”. Apesar do diz que diz de Lula querendo "queimar" o ministro do Supremo, Gilmar Mendes e de todos os óbices que vêm sendo interpostos pelo Partido dos Trabalhadores, “majoritário” entre os 38 acusados, as sentenças deverão sair nos proximos dias, doa em quem doer.

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Ayres Britto afirmou, hoje, que definir logo uma data para julgar o mensalão é a melhor saída para a crise instituida entre Lula e Mendes.
  Ao chegar hoje à tarde para a sessão do STF, o ministro Ayres Britto disso:  "É o que estamos tentando fazer. Definir uma data para que a formatação do julgamento se faça de uma vez por todas e, naturalmente, por modo adaptado às possibilidades do próprio relator, do ponto de vista físico do ministro Joaquim (Barbosa), referindo-se ao problema de coluna do ministro Joaquim Barbosa que faz com que por diversas vezes  ele tenha de se afastar de suas atividades naquela Corte.

Ayres Britto fez questão de esclarecer, mais uma vez, que  a data, no entanto, só será fixada depois que o ministro-revisor do processo, Ricardo Lewandowski, concluir seu voto e distribuir aos outros ministros.

"O Supremo Tribunal Federal é sobranceiro, altivo, independente, consciente de sua função institucional. E não se afasta disso. Nós não perdemos o foco do nosso dever de julgar todo e qualquer processo, inclusive esse chamado de mensalão, com objetividade, imparcialidade, serenidade, enfim, atentos todos nós às provas dos autos", enfatizou o presidente do STF.


CPMI do Cachoeira convoca Agnelo e Perillo, mas rejeita convocação de Cabral

Os depoimentos dos governadores do DF, Agnelo Queiroz, e de Goiás, Marconi Perillo, ainda não foram marcados. Convocação do governador fluminense, Sérgio Cabral, foi rejeitada por 17 votos a 11.

Gustavo Lima
Dep. Carlos Sampaio (PSDB-SP) sen. Vital do Rêgo (presidente da CPMI) e dep. Odair Cunha (PT-MG)
A convocação do governador goiano foi decidida por unanimidade, e a do governador do DF por 16 votos a 12.

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira aprovou nesta quarta-feira a convocação dos governadores de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), e do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT). A convocação do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), no entanto, foi rejeitada. A CPMI investiga as relações do contraventor Carlos Augusto Ramos, conhecido como Carlinhos Cachoeira, com agentes públicos e privados.
Os parlamentares decidiram, por unanimidade, chamar Perillo para depor depois de o governador ter anunciado a integrantes do seu partido que queria vir ao Congresso para relatar seu nível de relacionamento com o contraventor. Já a decisão sobre a convocação de Agnelo passou por 16 votos contra 12. As datas dos depoimentos ainda serão definidas.
Em seguida, a CPMI rejeitou, por 17 votos contra 11, a convocação do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral. Alguns parlamentares alegaram ainda ser necessário analisar os dados da Delta Construções S.A., que teve seus sigilos quebrados, em âmbito nacional, na reunião de terça-feira (29).
Análise de documentos“Vamos aguardar a análise dos documentos [da Delta]; se for necessário, o governador Cabral será convocado e os outros poderão ser chamados novamente”, disse o relator da CPMI, deputado Odair Cunha (PT-MG). “O importante é que criamos o precedente de chamar os governadores”, acrescentou. Cunha defendeu a convocação de Perillo, mas foi contrário à convocação de Agnelo e de Cabral.
Os nomes de Perillo e Agnelo foram citados por integrantes da suposta quadrilha de Cachoeira em conversas telefônicas interceptadas pela Polícia Federal nas operações Vegas e Monte Carlo, que subsidiam a investigação da CPMI. Sérgio Cabral apareceu em fotos e vídeos ao lado de Fernando Cavendish, ex-presidente da Delta, empreiteira ligada à organização criminosa.
Votação tumultuadaA votação dos requerimentos de convocação foi tumultuada. Enquanto o vice-presidente da comissão, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), que comandava a reunião, tentava transferir para o plenário da comissão algumas prerrogativas que podia adotar individualmente – se a votação dos requerimentos seria em bloco ou individual –, parlamentares, especialmente da oposição, criticavam o que chamaram de tentativa de adiar a decisão.
O senador Pedro Taques (PDT-MT) foi um deles. “Estamos enrolando, discutindo há 30 minutos se vamos transformar essa CPMI em uma farsa. Temos que decidir a convocação no voto. Temos que votar sim ou não à vinda dos governadores, e que cada um assuma responsabilidade política pela sua decisão”, cobrou.
O líder do PSDB, deputado Bruno Araújo (PE), em determinado momento afirmou que havia recebido uma ligação de Marconi Perillo se dispondo a depor na comissão, como uma forma de pressão para que o PT admitisse a hipótese da convocação também de Agnelo. “Eu acabei de receber telefonema do governador Marconi Perillo e ele disse que quer comparecer na próxima reunião”, disse.
“Isso é um teatro, o Marconi se mostra tão disposto a comparecer na CPMI para falar e devia demonstrar a mesma disposição para apresentar seus sigilos bancário e telefônico”, declarou o líder do PT, deputado Jilmar Tatto (SP). Questionado se o governador do DF contava com apoio do partido, Tatto respondeu que sim e se mostrou confiante que a presença de Agnelo vai “mostrar que não tem nada com Cachoeira”.
Quebra de sigilo
Antes da convocação dos governadores, a comissão havia adiado a votação de pedido de quebra de sigilo telefônico e de SMS de Perillo. Os deputados do PSDB protestaram pelo fato de não terem sido colocados em votação, também, requerimentos de quebra dos sigilos dos governadores do PT e do PMDB. “Não pode haver dois pesos e duas medidas”, argumentou o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR).
Em defesa de sua estratégia, Odair Cunha afirmou que há indícios que justificam a quebra do sigilo do governador de Goiás. Segundo ele, há 237 referências a Perillo nas gravações telefônicas registradas pela Polícia Federal na investigação sobre o grupo de Cachoeira.
“São condutas individualizadas, e há, nos autos da Polícia Federal, mais evidências contra o governador Marconi Perillo”, disse Cunha. “Os cheques para pagamento da casa [do governador goiano, assinados por um sobrinho de Cachoeira] foram parar na conta dele. Há um nível de envolvimento diferente com a organização criminosa.”(Agência Câmara de Notícias)

Tribunal de Justiça do Estado do Ceará

Varas Cíveis passam a operar com Sistema de Automação da Justiça

As 30 Varas Cíveis do Fórum Clóvis Beviláqua iniciaram fase de adaptação para implantação do processo eletrônico. A partir desta quarta-feira (30/05), as novas ações que derem entrada nas unidades continuarão a tramitar em meio físico (papel), mas já terão os dados cadastrados no Sistema de Automação da Justiça (SAJ), software utilizado para gestão dos autos virtuais.

Segundo o diretor de Informática do Fórum, Gustavo Henrique Gondim Pereira, a etapa preparatória deve durar dois meses, período em que as Varas poderão se familiarizar com o novo sistema e esclarecer eventuais dúvidas, antes da transição definitiva para o meio eletrônico, que deve ocorrer no dia 30 de julho. Ele explica que, mesmo com os autos em papel, já será possível utilizar 70% das ferramentas disponíveis no software.

Juízes e servidores dessas unidades também estão participando de treinamentos sobre o SAJ. Os cursos iniciaram no dia 14 deste mês e seguem até a próxima sexta-feira (1º/06). Antes da implantação dos autos digitais, serão oferecidas turmas também para advogados e membros do Ministério Público e da Defensoria Pública. (TJ-CE)

Copa das Confederações de 2013

Seleção Brasileira vai jogar em Fortaleza

“O Comitê Organizador Local e a Federação Internacional de Futebol (Fifa) anunciaram hoje (30) a tabela dos jogos da Copa das Confederações de 2013. A seleção brasileira vai disputar partidas em Brasília, Fortaleza e Salvador.
O jogo de abertura será no dia 15 de junho, na capital federal. Caso o Brasil não chegue à final, a última partida será em 22 de junho, em Salvador. Antes disso, a seleção também joga em Fortaleza. Todos os jogos estão previstos para as 16 horas.
A grande final da Copa das Confederações está marcada para 30 de junho no Rio de Janeiro, às 19 horas. O jogo que definirá o segundo e o terceiro lugar será disputado em Salvador, às 13 horas.
Para a competição, além do Brasil, país-sede, estão confirmadas as seleções do Uruguai (Copa América), do Japão (Copa asiática) e da Espanha (atual campeão). Os demais concorrentes sairão do torneio europeu (Uefa), da Copa da Oceania de 2012 e da Copa Africana de 2013.
A Fifa não anunciou o preço dos ingressos, mas disse que tendem a ser mais baratos que os da Copa do Mundo.”(Agência Brasil)

Mais sobre pesquisa Opinião

Com Rands, Mendonça lidera e petista aparece em terceiro
Se o candidato do PT viesse a ser o deputado Maurício Rands, o cenário da sucessão no Recife sofreria uma mudança brusca. Quem passaria a liderar seria o democrata Mendonça Filho com 27,4%, seguido do candidato do PMDB, Raul Henry, com 12,6%. Rands, que substituiria o prefeito João da Costa, aparece em terceiro com 11,9%. Jungmann (PPS) vem em seguida com 6,4% e Daniel Coelho (PSDB) tem 4,8%.
Neste cenário, entrou o deputado Sílvio Costa Filho no lugar do senador Armando Monteiro, que desponta com 4,4%. Paulo Rubem (PDT) vem em seguida com 3,5%, Noélia Brito (PSOL) 0,9% e Jair Pedro (PSTU) com 0,3%. Brancos e nulos somam 11,9% e indecisos 15,9%.
Mendonça Filho tem seus maiores percentuais entre os eleitores que cursam até a quarta série (37,6%), entre os que ganham até três salários (32,6%), e entre os que têm acima de 60 anos (35,6%). Suas menores taxas aparecem entre os eleitores de nível superior (16,2%), entre os com renda acima de 10 salários (21,3%) e no eleitorado masculino (25,3%).
Já o petista Maurício Rands tem suas maiores indicações de voto entre os eleitores que ganham entre três a cinco salários (16,8%), os que se situam na faixa etária de 35 a 44 anos (14,6%) e entre os que têm curso superior (14,9%). As menores, por sua vez, se situam entre os que cursam até a quarta série (7,5%), os que ganham até um salário (6,9%) e os eleitores jovens (8,5%).
A pesquisa foi feita nos últimos dias 26 e 27, com a aplicação de mil questionários. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais para mais ou menos. O registro no Tribunal Regional Eleitoral tem o protocolo sob o número 00023-2012. Foram pesquisados os seguintes bairros da capital:
Aflitos, Afogados, Água Fria, Alto do Mandu, Alto JoséBonifácio, Alto José do Pinho, Areias, Arruda, Barro, Beberibe, Boa Viagem, Bongi, Cajueiro, Campina do Barreto, Campo Grande, Casa Amarela, Casa Forte, Coelhos, Cohab, Cordeiro, Dois Unidos, Encruzilhada, Engenho do Meio, Espinheiro, Estância, Graças, Ibura, Ilha Joana Bezerra, Imbiribeira, Ipsep, Iputinga, Jardim São Paulo, Jequiá, Linha do Tiro, Macaxeira, Madalena, Mangabeira, Monteiro, Mustardinha, Nova Descoberta, Pina, Poço da Panela, Rosarinho, Santo Amaro, São José, Tamarineira, Torre, Torrões, Várzea e Vasco da Gama.
(Blog do Mágno)

Pesquisa Opinião sobre sucessão no Recife

Opinião: João da Costa sobe cinco pontos e lidera com 30,8%


O prefeito João da Costa (PT) subiu cinco pontos percentuais, passando de 25,4% para 30.8%, na disputa pela Prefeitura do Recife, segundo pesquisa feita pelo Instituto Opinião com exclusividade para este blog. A comparação se refere ao levantamento de 10, 11 e 12 de abril. Já o candidato do DEM, Mendonça Filho, que continua em segundo, também subiu, de 19.5% para 22.1%. O pré-candidato do PMDB, Raul Henry, ficou no mesmo patamar de 10%, Raul Jungmann (PPS) subiu de 4% para 5.6% e Daniel Coelho, do PSDB, caiu de 5.1% para 3.1%, enquanto Paulo Rubem, do PDT, se manteve com 2%. Foram citados ainda Armando Neto (PTB), com 2,7%, e Noélia Brito (PSOL), com 0,4%. Brancos e nulos somam 10% e indecisos, 13,2%.

A pesquisa foi feita nos últimos dias 26 e 27, com a aplicação de mil questionários. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais para mais ou menos. O registro no Tribunal Regional Eleitoral tem o protocolo sob o número 00023-2012. Foram pesquisados os seguintes bairros da capital:
Aflitos, Afogados, Água Fria, Alto do Mandu, Alto José Bonifácio, Alto José do Pinho, Areias, Arruda, Barro, Beberibe, Boa Viagem, Bongi, Cajueiro, Campina do Barreto, Campo Grande, Casa Amarela, Casa Forte, Coelhos, Cohab, Cordeiro, Dois Unidos, Encruzilhada, Engenho do Meio, Espinheiro, Estância, Graças, Ibura, Ilha Joana Bezerra, Imbiribeira, Ipsep, Iputinga, Jardim São Paulo, Jequiá, Linha do Tiro, Macaxeira, Madalena, Mangabeira, Monteiro, Mustardinha, Nova Descoberta, Pina, Poço da Panela, Rosarinho, Santo Amaro, São José, Tamarineira, Torre, Torrões, Várzea e Vasco da Gama.
Na espontânea, modalidade em que o eleitor é obrigado a lembrar do nome do seu candidato sem a cartela com os nomes, João da Costa também subiu, indo de 9.4% para 16.8%. Mendonça saiu de 3% para 5%. Os maiores percentuais do prefeito se encontram entre os eleitores jovens, na faixa de 16 a 24 anos (43,3%).
Depois, entre os que cursam da 5ª a 8ª séries (36,4%), entre os que ganham até um salário mínimo (30,6%) e entre os eleitores do sexo masculino (31,7%). Seus menores indicadores aparecem entre os eleitores na faixa etária de 35 a 44 anos (25,9%), entre os que cursam até a quarta série (28,3%) e entre os que ganham acima de 10 salários (26,6%).
Mendonça Filho, por sua vez, tem seus maiores percentuais de indicação de voto entre os que cursam até a quarta série (33,3%), entre os eleitores acima de 60 anos (31,1%) e entre os eleitores que ganham até três salários (25,6%). As menores taxas estão entre os eleitores com formação superior (12,9%), entre os que ganham de cinco a dez salários (17,2%) e entre os jovens (17%).

Veja daqui a pouco: a opinião do eleitor sobre a anulação da prévia
(blog do Mágno)

A coisa está mesmo avacalhada lá pras bandas do Planalto Central

Marco Maia sugere chá de camomila para Lula e Gilmar Mendes

Presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS), nesta quarta-feira, "receitou" chá de camomila para  o ex-presidente Lula e o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes para acalmar os ânimos dos dois. Pelo menos é o que informa reportagem da Folha.

 De acordo com a matéria, "desde ontem, ao defender Lula, Maia colocou em suspeita o comportamento de Mendes. Hoje, disse que é preciso colocar panos quentes nessa polêmica, motivada pelas versões sobre um encontro do ministro e do ex-presidente no mês passado.

Na reunião, Lula teria pedido a Mendes que adiasse o julgamento do mensalão em troca de blindagem na CPI do Cachoeira. O ex-presidente nega.
"Nesse momento, o importante é que se passe uma borracha nesse episódio que não vai trazer problema para o Brasil. Temos que dar um chá de camolia a todos os envolvidos, principalmente neste momento em que se aproxima a votação no STF", afirmou.
Maia voltou a alfinetar o ministro. "A partir de agora, o momento é de acalmar os ânimos. É quase incompreensível a forma como o ministro Gilmar Mendes tratou essa questão, mas conhecemos o ministro, sabemos de seu papel e de sua responsabilidade. Nada pode influenciar o Supremo".
Para o presidente da Câmara, não há necessidade de o presidente Lula se manifestar publicamente sobre o episódio.
"Não há necessidade do presidente Lula tratar desse tema. O ministro Gilmar deu opiniões àsperas, mas só ele sabe o contexto que estava vivendo e que o levou a uma atitude raivosa e despropositada. Lula faz bem em não tocar no assunto. Ele já negou, o ministro Jobim já negou. Agora a hora é de colocar panos quentes. A votação do mensalão deve acontecer da forma mais transparente possível". (Folha.com)

Maracanaú dá início às festas juninas, já tradicionais no Município

Já conhecida como "A Capital Junina do Ceará”, Maracanaú, sai na frente e inicia, nesta sexta-feira (1º de junho), os festejos do seu 8º São João. Para animar o primeiro dia do arrasta pé, o prefeito Roberto Pessoa escolheu o  romantismo de Zé Augusto e a banda Furação do Forró. E a animação junina prosseguirá até o dia 17 de junho, com apresentação de quadrilhas, comidas típicas, artesanato e uma cidade cenográfica, além de atrações nacionais.


Quadrilhas

O São João de Maracanaú também é marcado pela tradição com os festivais de quadrilhas juninas infantil, municipal e estadual. As festanças deverão movimentar cerca de cinco mil pessoas entre crianças, jovens e adultos durante os 17 dias de apresentações em uma arena especialmente montada para o evento.

O 6° Festival Infantil tem início também nesta sexta-feira, 1º, seguindo até o dia 6 de junho; enquanto que o 26° Festival Municipal, segue do dia 6 a 12 de junho. Encerrando os festejos acontece, de 13 a 17 de junho, o Festival Estadual de Quadrilha.

Os organizadores estimam que, neste ano,  para os 17 dias de festa dem comparecer mais de 1 milhão de pessoas, que assistirão a homenagem ao centenário do Rei do Baião, através da cidade cenográfica denominada Vila Luiz Gonzaga.

Na vila os visitantes devem apreciar as apresentações artísticas de danças do coco, xote, baião, xaxado e do maxixe, tambores de aratanha e grupos de teatro e folclóricos, além de Mostra de Sanfoneiros, I Festival de Casamento Matuto e o Festival de Violeiros.

No sábado, dia 2, será a vez da Banda Calipso e Forró do Bom animarem os festejos juninos da nossa vizinha Maracanaú. No domingo (3), será a vez de Margareth Menezes e Forró Real.

Emprego e renda

 É bom que se esclareça que o  São João de Maracanaú não oferece só festejos e animação.  Também gera emprego e renda aos maracanauenses. Este ano, por exemplo, a expectativa é de gerar renda, direta e indiretamente, para cerca de cinco mil pessoas. Serão 80 barracas internas para comercialização de comidas e bebidas, além das barracas montadas na parte externa do evento. Também envolverá 180 ambulantes, cerca de 35 recicladores, 700 artesãos de Maracanaú e de outros municípios do Ceará, além de mais de 400 artistas, músicos, técnicos e seguranças.

Lançamento de candidatura do PSOL à sucessão da Loura

Amanhã, dia 31, o PSOL deverá lançar oficialmente o nome de Renato Roseno para a disputa da Prefeitura de Fortaleza. Roseno, para quem não recorda, teve excelente performance como candidato ao Senado nas eleições de 2006.
Bom orador e equilibrado articulista, o jovem socialista já entra pregando aviso: fará uma campanha focada em duras críticas à administração do PT em nossa Capital.

Maranguape recebe exposição oficial sobre a vida e obra de Chico Anysio

A mostra circula o País com figurinos, fotografias e objetos pessoais do humorista cearense. A inauguração será quinta-feira (31) durante a abertura IV Festival Nacional de Humor
Nos mais de 200 personagens que criou, Chico Anysio deixou gravado um traço de sua genialidade. Com uma obra que engloba televisão, música e literatura, o cearense, natural de Maraguape, é considerado, talvez, o maior humorista que o País já teve. Um pouco deste legado estará a partir desta quinta-feira, dia 31, na exposição “Chico Anysio – A trajetória de um mito, um ídolo fora de série”, na casa onde nasceu, agora transformada em museu com seu nome.

A exposição é oficial, produzida pelo filho do humorista, André Lucas, em parceria com o Instituto Chico Anysio, e será inaugurada às 18h, como parte da programação de abertura do IV Festival Nacional de Humor de Maranguape. Malga Di Paula, viúva do humorista, estará presente.

No acervo, estão painéis com seus principais personagens e bordões, vídeo sobre sua história, além de figurinos originais, objetos pessoais, livros de sua biblioteca, discos, caricaturas entre outros. A exposição vem circulando o País e deve passar por todos os Estados da Federação.

Festival de Humor

O IV Festival Nacional de Humor acontece de 31 de maio a 02 de junho. Durante a abertura, no dia 31, será também apresentado em primeira mão um espetáculo da Escolinha do Prof. Raimundo, criado especialmente para esta ocasião. Dois dos filhos de Chico Anysio, André Lucas e Nizo Neto, sobem ao palco ao lado de outros atores que também fizeram parte do programa humorístico mais famoso da televisão brasileira.

A Escolinha terá em Maranguape André Lucas como Professor Raimundo e, na “sala de aula”, Nizo Neto (Ptolomeu), Eliezer Motta (Batista), Ataíde Arcoverde (Sivi), David Pinheiro (Armando Volta), Maurício Manfrine (Paulinho Gogó) e os cearenses Karla Karenina (Meirinha) e João Netto (Zé Modesto). A apresentação é gratuita, no palco do festival, montado na Praça Capistrano de Abreu, a principal da cidade.

O IV Festival Nacional de Humor é apresentado pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura / Governo Federal, numa realização conjunta com a Associação dos Agentes do Patrimônio Natural e Cultural de Maranguape – APAMA e Prefeitura Municipal de Maranguape, por meio da Fundação Viva Maranguape de Turismo, Esporte e Cultura – FITEC. Patrocínio: Eletrobras, Petrobras, Banco do Nordeste e Correios. Apoio Cultural: Bradesco, Caixa, SESC-CE, Secretaria da Cultura, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura / Governo do Estado do Ceará. Promoção: Diário do Nordeste e TV Diário. Toda a programação é gratuita.

Peças

Entre as peças da exposição, estão 12 painéis com imagens digitais frente e verso do humorista na pele de seus personagens, 24 quadros, seus bordões, figurinos originais usados durante as gravações dos programas, de personagens como o Professor Raimundo, Coalhada, Velho Zuza, Painho, Bozó e Pantaleão.

Também estarão expostos 19 livros escritos por Chico, como “Feijoada no Copa”, “O enterro do anão”, “O tiete do agreste” e “Mesa de Boteco”. Também 19 capas de discos gravados pelo humorista, como “Chico com C”, “Baiano & os Novos Caetanos”, “30 anos de Chico Anysio” e “A volta – Baiano & os Novos Caetanos”. Dentre os objetos pessoais estão o Troféu Imprensa que recebeu em 1989, gravata, peruca do personagem Tim Tones e outras peças exclusivas deste acervo.

SERVIÇOS:

Exposição “Chico Anysio – A trajetória de um mito, um ídolo fora de série” – Abertura nesta quinta-feira, dia 31, às 18h, no Museu Chico Anysio (Rua Chico Amador, 68, Maranguape).

IV Festival Nacional de Humor – De 31/05 a 02/06 em Maranguape/CE. Informações: (85)3369.9188 (Fundação Viva Maranguape de Turismo, Esporte e Cultura – FITEC). Site: www.festivalnacionaldehumor.com.br. Toda a programção é gratruita. (DÉGAGÉ)

Em evento na UFC, linguistas buscam desvendar mistérios da linguagem

Os mistérios da linguagem, a forma como os seres humanos a adquirem e a processam, bem como as regiões do cérebro onde o fenômeno ocorre, são tema do II Workshop em Processamento Anafórico, promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade Federal do Ceará de hoje (30) até 1º de junho.
Pesquisadores de renome nacional e internacional nas áreas de Linguística e Psicolinguística participam do evento, realizado no Auditório José Albano (Área 1 do Centro de Humanidades, Campus do Benfica). Serão apresentadas pesquisas sobre a recuperação de palavras, as tentativas de memorizá-las e sobre como o cérebro faz para “linkar” as palavras de um discurso e compreender um enunciado. As inscrições de trabalhos para o evento já foram encerradas, mas interessados em participar como ouvintes têm até o fim da tarde desta quarta-feira (30) para se inscrever.

Entre os convidados estão a Profª Armanda Costa, da Universidade de Lisboa (Portugal), Diretora da Associação Portuguesa de Linguística e que realiza pesquisas sobre o ritmo de leitura dos alunos portugueses, investigando a leitura em várias fases de aprendizagem e também em casos de patologias. Também presente a professora da Pontifícia Universidade Católica do Rio (PUC-Rio) Letícia Sicuro Correa, que estuda o modo como os bebês descobrem e reconhecem a língua materna ainda na vida intra-uterina. Ao lado delas estará o professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Marcus Maia. Ele trabalha com aquisição e processamento usando técnicas de medição on-line, tais como leitura automonitorada e rastreamento ocular.

Mais detalhes sobre a programação do workshop são encontrados no site do evento (www.iiwpa.ufc.br).
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Linguística da UFC -

Demóstenes fará lobby para a indústria de óleo de peroba



DO BLOG TRÁGICO E CÔMICO - DIOGO SALLES - JT

Demóstenes depôs hoje no conselho de “ética” do congresso (com muitas aspas, por favor). Entre outros momentos “vergonha alheia”, disse que os vazamentos de suas ligações com Cachoeira têm o intuito de enxovalhar a sua reputação. A pergunta é: que reputação?

Num breve momento de lucidez, Demóstenes disse que pensou nas piores coisas — entre elas, renunciar ao mandato. Pena que não durou muito, pois o que vimos foi mais um caso em que o sujeito acredita piamente na honestidade e na pureza dos crimes e delitos que cometeu.

Se há 10 anos, Demóstenes era promessa de renovação para alguns, hoje ele é garantia de atraso para todos. E como o seu depoimento não sensibilizou a opinião pública, o senador tomou a decisão: vai largar os jogos ilegais para se embrenhar no lobby da indústria de óleo de peroba, a única área de atuação onde ele ainda tem um vasto campo a explorar…

CARTA ABERTA DO PSTU EM APOIO À PRÉ-CANDIDATURA DE NOELIA BRITO, DO PSOL, À PREFEITURA DO RECIFE

Noelia Brito (Psol) e Jair Pedro (PSTU) serão os candidatos da inédita e fortíssima
Frente de Esquerda à Prefeitura do Recife

CARTA ABERTA À DIREÇÃO MUNICIPAL DO PSOL

Companheiros e Companheiras:

O lamentável espetáculo das prévias do PT de Recife, com a guerra de liminares, as agressões físicas entre os militantes, ameaças e agressões até contra a imprensa que cobria o evento, acaba evidenciando que nessa luta não há uma disputa de projetos para governar a cidade.

Há sim uma batalha pelo comando do aparato da prefeitura com seus milhares de cargos comissionados, os contratos milionários com empreiteiras e prestadoras de serviço terceirizado, pelas verbas do PAC e tantos outros recursos federais que nunca são investidos em benefício do povo.

Então, não basta ficarmos enojados diante desse espetáculo, nossas vidas (salários, empregos, direitos) estão em jogo se esses senhores se perpetuam no poder. A classe trabalhadora da cidade de Recife e o povo pobre precisam entrar em cena e se definir por uma alternativa, no campo das lutas e das eleições também.

É, portanto obrigação dos lutadores sérios e socialistas da cidade apresentar uma alternativa a tudo isso que está aí, disputando programaticamente a consciência dos trabalhadores e do povo pobre, sem pensar na eleição como um fim em si, que justificasse a renúncia de nossos ideais.

Nós, do Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) aceitamos o desafio de desmascarar o governo de frente popular em Pernambuco e em Recife e achamos que esse desafio não só nosso, mas do conjunto da esquerda socialista como o PSOL e PCB, além dos movimentos sociais que se mantêm independentes desses governos .

Temos afirmado sem medo de errar que os governos de Dilma do PT, Eduardo Campos do PSB e João da Costa do PT estão a serviço dos grandes empresários, banqueiros, latifundiários e políticos corruptos.

Achamos que tanto os representantes da velha direita (Mendonça do DEM, Henry do PMDB, Jungman do PPS) como os candidatos governistas (João da Costa e Maurício Rands do PT) fazem parte de um mesmo projeto de governar para os ricos e contra os trabalhadores.

Por isso apresentamos o companheiro Jair Pedro como pré-candidato do partido à prefeitura do Recife.

Desde muito antes das eleições temos feito um insistente chamado aos partidos de oposição de esquerda no estado, especialmente a vocês do PSOL e ao PCB, para que formássemos uma frente de esquerda. Uma frente que se expressasse nas eleições e nas lutas dos trabalhadores em Pernambuco.

Uma frente de oposição de esquerda aos governos de Dilma, Eduardo e João da Costa e vinculada ao processo de reorganização do movimento sindical, estudantil e popular no estado, com uma clara postura classista, um compromisso com a classe trabalhadora, suas lutas e reivindicações, sem qualquer relação ou apoio financeiro de setores patronais, ou com partidos de aluguel e da direita tradicional no estado.

Acreditamos que essa frente pode se concretizar em Recife nas próximas eleições e estamos dispostos a trabalhar sinceramente por isso.

O lançamento de Noélia Brito como pré-candidata do PSOL nos fez perceber que essa companheira possui as condições necessárias para encabeçar uma frente eleitoral na cidade, tendo em vista sua postura de inflexível oposição aos governos de frente popular e sua disposição militante de defender o que pensa sem se submeter a interesses escusos e negociatas eleitorais.

Por nossa inserção nos movimentos sociais na cidade e pela reconhecida trajetória de luta de nossas figuras públicas, reivindicamos a posição de vice na candidatura majoritária para Jair Pedro e um espaço de ao menos 30% no tempo de TV e rádio da majoritária para que possamos divulgar nosso programa e dar visibilidade ao nosso candidato.

Acreditamos não ser possível efetivarmos uma coligação também entre os proporcionais. Para isso seria necessário um acordo que garantisse uma divisão de tempo na TV e rádio que fosse razoável para todos os candidatos da frente. O Psol definiu como estratégia de campanha a concentração em um candidato prioritário, com mais tempo e finanças que os demais. Respeitamos essa decisão, mas não acreditamos que exista uma relação boa entre nós que permitisse um acordo plausível em uma coligação.

O anúncio público feito por Edilson Silva de que teríamos retirado nossa pré-candidatura, quando nunca houve de nossa parte sequer sinalização de que isso pudesse acontecer antes que se definisse o programa e os critérios da frente, só fez nos distanciar ainda mais da idéia de uma coligação na proporcional.

Embora saibamos que deveremos apresentar um programa político que responda aos problemas enfrentados cotidianamente pelos trabalhadores da cidade, um programa para a cidade de Recife, não vendemos a ilusão de que podemos melhorar nossas vidas apenas com uma “administração boa e honesta” da prefeitura. A maior parte dos problemas que nos atingem diz respeito a questões nacionais e estaduais.

Nada se resolverá sem a luta direta dos trabalhadores, sem campanhas nacionais e estaduais que questionem o modelo econômico levado pelos governos de Dilma, Eduardo, João da Costa/Mauricio Hands. Nada de importante se resolverá sem a luta pelo socialismo.

Dito isto, propomos como referência para um debate de programa mínimo as consignas seguintes:

• Se Pernambuco e o Recife cresceram, os trabalhadores querem sua parte.

• Recife para os trabalhadores.

• Verbas públicas só para investimentos públicos.

• Exigimos um plano estadual de obras públicas para a construção de casas populares.

• Taxação progressiva de acordo com a renda, extensão da propriedade rural e número de imóveis.

• Todo apoio às lutas dos sem-teto e sem-terra.

• Contra a criminalização dos movimentos sociais.

• Ampliação dos serviços públicos de saúde e educação em Recife.

• Plano de obras públicas que construa mais escolas, hospitais, postos de saúde, laboratórios estatais para a produção de medicamentos na cidade.

• Defendemos dobrar a verba destinada à saúde e à educação na cidade.

• Acesso gratuito à cultura para a juventude pobre.

• Pela redução nas passagens de ônibus.

• Passe livre para estudantes e trabalhadores desempregados.

• Estatização dos transportes públicos no estado sob o controle dos trabalhadores.

• Por uma política de empregos para as mulheres trabalhadoras, especialmente para as mulheres jovens na cidade.

• Plano de obras que garanta a construção de creches, lavanderias e restaurantes públicos para liberar a trabalhadora do estado das tarefas domésticas.

• Licença maternidade de seis meses, obrigatória e garantida pelo estado.

• Criação de um programa de assistência integral à saúde da mulher na cidade.

• Punição mais rigorosa para todos os crimes de racismo e homofobia, com pena de prisão.

Direção estadual do Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado – PSTU

Recife, 30 de maio de 2012

CPI aprova quebra de sigulos da Delta, mas adia decisão sobre governadores


"A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) mista que investiga as relações de Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, com agentes públicos e privados, aprovou nesta terça-feira (29) a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico da empreiteira Delta Construções, em âmbito nacional. Há duas semanas, seguindo o entendimento do relator, deputado Odair Cunha (PT-MG), a CPI havia quebrado somente os sigilos da seção Centro-Oeste da empreiteira, cujo então diretor, Cláudio Abreu, foi preso na Operação Monte Carlo, da Polícia Federal.
Também nesta terça, a CPI adiou outra decisão esperada, a convocação de governadores sobre os quais há suspeita de envolvimento com o grupo de Cachoeira ou de relação indevida com a Delta.
Depois de ouvir questão de ordem apresentada pelo deputado Gladson Cameli (PP-AC), o presidente da CPI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), preferiu adiar a decisão sobre a convocação dos governadores do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), e do Distrito Federal, Agnelo Queiroz.
Para o deputado, convocar os governadores significaria uma interferência indevida da CPI em assuntos de âmbito estadual. Vital do Rêgo ouviu os contra-argumentos do senador Pedro Taques (PDT-MT) e preferiu pedir um parecer técnico sobre a possibilidade de a CPI convocar governadores."
Da Agência Senado

Visita real

Rei da Espanha visita o Brasil
“O rei Juan Carlos, da Espanha, visita o Brasil nos próximos dias 3 e 4 de junho. Ele vai se reunir com a presidenta Dilma Rousseff e parte da equipe ministerial. Em seguida, viaja para o Chile, onde fica de 4 a 6. É a primeira viagem do rei ao exterior, depois que ele colocou uma prótese no quadril, após um acidente durante caça na África. O Ministério de Assuntos Exteriores e Cooperação da Espanha informou ainda que o rei viaja com o chanceler José Manuel García-Margallo, que esteve há 15 dias em Brasília.
A visita de Juan Carlos ocorre no mesmo dia em que representantes dos governos brasileiro e espanhol se reúnem em Madri, capital da Espanha, para negociar a redução das exigências feitas para a autorização da entrada de brasileiros na Espanha e de espanhóis no Brasil.
É a primeira reunião desde que o Brasil passou a adotar uma série de medidas mais rigorosas para o ingresso de espanhóis. O governo brasileiro vai propor a criação de um procedimento de linha direta para a redução emergencial de casos duvidosos, ou seja, situações em que a decisão foi meramente burocrática ou por problema com documentos do viajante.”(Agência Brasil)

Prefeitos pedem a Maia novos índices para recálculo das dívidas com a União

JBatista
Marco Maia com os prefeitos de Vitória, João Coser, e de São Paulo, Gilberto Kassab.Maia (C) solicitou aos prefeitos uma proposta concreta que atenda as necessidades dos municípios.

A necessidade de revisar o acerto de contas de gestores municipais com a União foi discutida em almoço do presidente da Câmara, Marco Maia, nesta terça com os prefeitos de São Paulo, Gilberto Kassab, e de Vitória, João Coser, que preside a Federação Nacional de Prefeitos, além de diversos deputados federais e líderes partidários da Câmara.

O prefeito Coser ressaltou que os municípios estão ficando sem recursos para investimento. “Nossa presença aqui é para apresentar a situação e pedir ao presidente da Câmara que esse processo possa andar.”

Há dois meses, por iniciativa do presidente Marco Maia, a Câmara criou um grupo de trabalho para discutir as alternativas viáveis para recompor a dívida de estados e municípios com a União. O grupo pretende apresentar uma proposta sobre a revisão dos contratos de renegociação das dívidas assinados com a União entre 1997 e 2001. A ideia é alterar os indicadores de correção, mas ainda não há novo cálculo definido.

Hoje, o presidente Marco Maia solicitou aos prefeitos uma proposta concreta que atenda as necessidades dos municípios.

O prefeito de São Paulo também pediu apoio ao Legislativo. “O ministro Mantega e a presidente Dilma estão muito sensíveis, estão debatendo e avançando rumo a uma solução dentro do governo. Agora vem se somar a esta discussão este importante debate no grupo de trabalho dentro do Poder Legislativo, em especial, na Câmara dos Deputados,” afirmou Kassab.

Em abril, governadores de sete estados reunidos na Câmara defenderam a revisão dos contratos. Eles não fizeram uma proposta fechada, mas defenderam ajustes nos contratos para reduzir o peso das prestações mensais pagas ao Tesouro Nacional, liberando recursos para investimentos.

(Agência Câmara de Notícias)
 

terça-feira, 29 de maio de 2012

A Ypióca já não é mais nossa

A Ypióca já não é mais nossa. Após 166 anos, a cearensissíma IPYOCA é vendida para o grupo britânico Diageo. Alguns milhões de euros a mais em sua conta bancária,  o empresário Everardo Teles, passa para a lista dos mais ricos do país.

Através de teleconferência, o porta voz do grupo britânico Diageo anunciou a compra da marca cearense de cachaça Ypióca por R$ 900 milhões ou 300 milhões de libras. Líder mundia no segmento de bebidas alcoólicas premium, a Ipyoca também é dona das marcas Smirnoff e Johnnie Walker.

 A aquisição está prevista para ser concluída em até um mês.

A operação, que inclui uma destilaria em Paraipaba/CE, uma engarrafadora em Fortaleza/CE e um centro de distribuição em Guarulhos/SP deverá ser concluída no prazo de 30 dias.

Família Telles continua no ramo

Embora o empresário Everardo Teles não ter se pronunciado a respeito da transação, o representante da Diageo informou que os demais negócios do grupo Ypióca, como a Naturagua e o Complexo Turístico Ypióca (Y-Park) não fazem parte do pacote negociado e continuam com os Telles.

Com a compra da Ypióca, a Diageo passa a ter sua própria destilaria aqui no Brasil, acrescentando mais 700 funcionários às suas operações no Brasil.

"Pára com ilso, deixa dilso!"

 
Do Josias de Souza, na sua coluna:
''Alguma coisa subiu à cabeça de Fernando Collor de Mello. E não parece coisa boa. Duas décadas depois de ter sido escorraçado do Planalto, o agora senador insinua que deveriam devolver-lhe o mandato de presidente da República.
“Fui absolvido pelo Supremo”, disse ele. “E meu mandato? Não deveria tê-lo de volta?”, questionou. Collor falou à Record News. Um pedaço da entrevista foi ao ar na noite da segunda (28).
Vivo, Bussunda gritaria: “Fala séééério, excelência!”.

Aí eu digo: Danooooouuuuuu-se! Mas home, rapaz, era só o que faltava!

Kassab no Ceará

O prefeito  de São Paulo, Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD, estará em Fortaleza na próxima quinta-feira (31), onde, às 19 horas, participa da inaugração da sede do partido, no segundo piso do Shopping Avenida.

O governador Cid Gomes, presidente regional do PSB, fará as honras da "Casa" ao comandante do PSD, uma vez que os dois partidos já acertaram parcerias em vários municípios cearenses.

Lembrando que, aqui no Ceará,  o PSD do Kassab é controlado por Almicyr Pinto, secretário adjunto da Chefia de Gabinete, e em Fortaleza, por Eduardo Diogo, secretário de Planejamento, ambos do governo do Estado.

Conversa entre Lula e Gilmar Mendes

E a Dilma, como fica?

CARLOS CHAGAS

Nessa história surrealista da conversa entre o ex-presidente Lula e o ministro Gilmar Mendes, uma indagação não pode deixar de ser feita: e a presidente Dilma, como fica?

Claro que solidária com o antecessor, em todas as situações, mas estaria confortável diante de mais essa intromissão do Lula em assuntos de seu governo? Afinal, o primeiro-companheiro teria tentado interferir nas prerrogativas do Judiciário, a começar pela marcação de data de seus julgamentos.


 Outra iniciativa igualmente indevida do ex-presidente veio no reverso da medalha: dispôs-se a blindar políticos e empresários nos trabalhos da CPI do Cachoeira, ou seja, intrometendo-se na alçada exclusiva do Legislativo.

A chefe do Executivo vem mantendo o delicado equilíbrio entre os poderes da União, coisa que seu mentor e conselheiro quis abagunçar. Mesmo como líder inconteste do PT, que tenta salvar do naufrágio, o Lula agiu como condômino principal do governo, o que não terá agradado a sucessora.

Aliança PT-PSB

 
 PT ensiste em não querer ver o que está na cara

Elmano Freitas: “Se Cid não quer aliança com o PT, que diga!”


“Um dos pré-candidatos do PT à Prefeitura de Fortaleza, Elmano de Freitas (PT), cobrou ontem uma ação concreta do governador Cid Gomes (PSB) sobre a possibilidade de manutenção da aliança entre os dois partidos na Capital. Segundo ele, o governador precisa procurar o PT do Ceará, “nem que seja para dizer que não quer mais a aliança”.
Elmano diz que se forem sinceras as declarações de Cid quando diz que quer manter a parceria com o PT, o governador precisa procurar o partido no Ceará antes de ter contato com as lideranças nacionais do partido. “Se ele (Cid) não quer a aliança com o PT, ele deve assumir que não quer esta aliança. Mas se ele quer a aliança com o PT, que sente-se para discutirmos o que fazer”, disse Elmano, ao O POVO.
Nos últimos dias, foi através da imprensa que Cid e a presidente do PT no Ceará, Luizianne Lins, discutiram sobre a aliança entre PT e PSB na Capital, em vias de rompimento. Após Cid ter procurado o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), para conversar sobre as eleições, Luizianne reclamou da iniciativa e desabafou dizendo que Cid não atende suas ligações telefônicas.
Elmano considerou que Cid foi “equivocado” em não atender nem responder às chamadas de Luizianne. E afirmou que se o PSB não sair aliado do PT já no primeiro turno das eleições, a aliança com o PT estará quebrada.

Luizianne e Lula

O POVO apurou que a prefeita também deverá conversar com o ex-presidente, nas próximas horas, em São Paulo. Até ontem à noite, a informação não tinha sido confirmada."(O POVO).

Aí eu digo: O PT e a prefeita Luizianne Lins continuam sem quer enxergar que essa aliança de há muito está quebrada. O governador Cid Gomes pode até apoiar um petista para a sucessão da Loura, desde que não seja um nome indicado por ela...

Mensalão: Lula quis "fazer um giro fez um girau"

Réus estão perplexos e furiosos com repercussão

Sob o título SOBROU, Mônica Bergamo, Folha de São Paulo de hoje diz que os réus do mensalão ficaram perplexos e furiosos com o que consideram descuido de Lula em seus diálogos com Jobim e Gilmar. Acham que o ex-presidente, na ânsia de ajudar, acabou conturbando o clima de vez.

A raiva de Gilmar Mendes em relação a Lula cresceu do dia do encontro, há um mês, à sua revelação, no sábado, na revista "Veja". No meio do caminho, o ministro ouviu de jornalistas que todo o tiroteio contra ele por ter se encontrado há tempos (antes do escândalo Cachoeira) com Demóstenes Torres em Berlim partiria de Lula. Foi aí que o caldo entornou.

A mágoa aumentou porque Mendes considera que nunca perseguiu o PT no STF, mas se sente alvo permanente da sigla. Ele votou, por exemplo, pela absolvição de Antonio Palocci no caso da quebra de sigilo do caseiro, de Aloizio Mercadante no caso dos aloprados e de Luiz Gushiken no mensalão.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Demostenes frente à frente com os membros do Conselho de Ética

Amanhã: Demóstenes está pronto para tudo, diz advogado
 

Lí no Portal G1 que o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro (Kakay), defensor do senador Demóstenes Torres (ex-DEM, agora sem partido), disse que seu cliente,  está 'preparado' para responder, amanhã, no Conselho de Ética, ao interrogatório dos seus colegas senadores. O advogado fez questão de enfatizar que  'a grande expectativa é pelo que será perguntado. Não temos como saber o que os parlamentares vão querer saber, se estará além da representação, mas ele [Demóstenes] está preparado para dar todas as respostas', disse.

Amanhã será a primeira vez que o senador Demóstenes iestará frente a frente com seus colegas parlamentares, tentando explicar seu envolvimento com o bicheiro Carlinhos Cachoeira – preso em fevereiro deste ano, pela Polícia Federal durante a Operação Monte Carlo.